170 acessos

UNIZAMBEZE expande seus horizontes em África, Ásia e América



Não só para debater sobre “O Papel do Ensino Superior para o Desenvolvimento dos Países de Língua Portuguesa” a conferência serviu, mas também firmar parcerias estratégicas e acordos de cooperação entre as instituições de ensino superior.
Nesta senda, a Universidade Zambeze maximizou a ocasião pautando pela firmação de acordos de cooperação e de intenções com algumas universidades de países e regiões de língua portuguesa, como foi o caso da Universidade Federal de Pernambuco, do Brasil, o qual visa a promoção de atividades de formação de pessoal docente-pesquisador, técnico e estudante, e entre outros aspectos de âmbito académico, científico e cultural.
Com a Universidade Lueji A’Nkonde – Angola, a UniZambeze assinou um acordo de coperaccao que ira, dentre vários pontos, permitir o intercâmbio de estudantes e de docentes das duas instituições, visando as suas qualificações académicas e profissionais, participação em candidaturas a programas de carácter internacional com vista à intensificação das relações de cooperação, nomeadamente, ao nível da mobilidade de estudantes, investigadores e docentes. Ainda em Angola, a Universidade Zambeze assinou um acordo de cooperacção com a Universidade Agostinho Neto com o objectivo de facilitar as condições para permuta de periódicos, de trabalhos e resultados científicos necessários ao desenvolvimento das pesquisas que em conjunto venham a desenvolver, promover, executar e divulgar estudos, projectos, pesquisas e actividades afins.

Ao nível do Continente Asiático, a Universidade firmou a sua relação através de uma nota de entendimento com o Instituto Politécnico de Macau, a concretizar-se através da celebração de adendas, ou outros instrumentos legais adequados face à legislação de cada uma das instituições, das quais constarão o planeamento específico das atividades a desenvolver, as obrigações das partes e os recursos financeiros necessários para a realização de projetos conjuntos.

Lembre-se que os acordos foram outorgados entre o Magnifico Reitor da Universidade e seus homólogos destas instituições signatárias.